segunda-feira, 16 de abril de 2018

VeggieWorld


Vai decorrer em Lisboa, no Pátio da Galé, nos próximos dias 28 e 29 de Abril a VeggieWorld, uma feira dedicada ao estilo de vida vegan que vai passando por vários países europeus. O evento decorre entre as 11h e as 21h nos dois dias e, além de stands com produtos e serviços, há palestras, workshops, showcookings e espectáculos. O segredo é comprar bilhete online com antecedência (€6), porque na bilheteira é mais caro (€8). A bilheteira, programa e lista de participantes estão no site aqui.

segunda-feira, 9 de abril de 2018

WineFest Lisboa

@marmitalisboeta no Instagram, edição de 2016
Está a chegar mais uma edição do WineFest em Lisboa! Estivemos em duas edições, no Salão Nobre do Ritz, e este ano a fórmula mantém-se: €10 de entrada e direito a provar 200 vinhos de mais de 40 produtores nacionais. Muitos são marcas menos conhecidas mas a selecção é sempre irrepreensível. Há vinhos para todos os gostos (brancos, tintos, rosés, espumantes, fortificados, aguardentes) e de todas as regiões. Este ano o evento acontece no dia 21 de Abril (Sábado), entre as 15h e as 20h.


O bilhete de entrada (€10 até 20 de Abril), bem como bilhete para uma das 3 provas especiais (este ano: de Porto Tawny Blackett; reservas da Quinta dos Abibes; e espumantes da Quinta do Rol, Lisboa, a €25 cada), ou o pack com todos os ingressos (€60), podem ser comprados na TicketLine.



'Podre'


Uma nova série documental da NetFlix chamou-nos a atenção: 'Podre' (no original, Rotten). Depois do sucesso de Cowspiracy e outras séries documentais sobre alimentação, esta série original da NetFlix, com seis episódios de cerca de 45 minutos cada, fala sobre fraudes e problemas na indústria alimentar. Fá-lo sobretudo do ponto de vista dos EUA, onde foi produzida, o que se nota logo no primeiro episódio, sobre o mel, que é alvo de uma guerra comercial com alvo na China, que adultera o produto, e como a produção intensiva de amêndoa na Califórnia leva a uma alteração da produção de mel nos EUA. Até agora, vimos também episódios sobre a produção de carne de frango (que envolve também o Brasil como produtor de carne) e de alho (novamente, a China), mas o que mais gostamos foi sobre o amendoim e alergias alimentares, que é o que recomendamos. À nossa espera, os episódios sobre o leite e o bacalhau. Uma série que interessa a quem se preocupa com as questões ecológicas e o impacto a um nível global dos hábitos individuais de consumo.

GuardarGuardar

sexta-feira, 6 de abril de 2018

[Sair] Tasca do Joel



No final do ano passado fizemos um passeio até Peniche com um grupo de amigos e alguém sugeriu a Tasca do Joel. Comentando com alguns familiares, os rumores que quem já tinha estado em Peniche é que é 'moderninho', caro e 'mais vale ir ao peixe grelhado x y z'. Decidimos manter, porque as críticas são boas. O restaurante foi renovado, tendo uma sala de espera na entrada (onde se encontra também uma loja de produtos gourmet e portugueses, alguns acessórios de cozinha) e uma sala de refeições espaçosa, mas algo escura. Tem-se vista para a cozinha, o que é sempre um ponto positivo. A carta de vinhos é muito interessante, e é apresentada num tablet, tal é a quantidade de opções, para se ter toda a informação sobre proveniências, castas etc. Quanto às entradas, são recomendáveis, e embora tivéssemos ido num feriado em que havia bastantes grupos, o serviço não foi muito demorado. Os pratos em si, que são sempre o centro da experiência: não é só peixe, mas muitos pratos mais tradicionais, de carne e peixe. Há também marisco, mas de facto é caro e num grupo só é viável quando todos estão nessa onda. Sinceramente, no ambiente de tasca moderna já dispensava as ardósias, em alguns dos pratos (como as bochechas ou carne estufada, com algum molho) nem sequer é prático comer. E em alguns pratos deveriam incluir uma salada ou legumes, enquanto noutros havia em demasiada quantidade. Mas no essencial o sabor estava lá, toda a gente ficou satisfeita com as suas escolhas. Já as sobremesas: algumas tradicionais e gostei que houvesse opções pequenas (como pastel de feijão etc), que vão muito bem com um café, mas outras tinham ar mais artificial ou industrial. Em resumo: é moderninho, sim, mas os preços são razoáveis e vale a pena para um passeio para apanhar os ares (ventos?) de Peniche.





Tasca do Joel
Rua do Lapadusso, 73 - 2520-370 Peniche
Tlf: 262 782 945


quarta-feira, 4 de abril de 2018

[Dica] Nespresso oferece café e nata

Oficialmente mais de um mês sem posts mas voltamos com grande dica! 

De 7 e 15 de abril, a Boutique Nespresso do Chiado vai oferecer uma receita de leite (Cappuccino ou Latte Machiato) e um pastel de nata, fabricado com uma receita exclusiva para a marca. A oferta é válida para todos os visitantes, desde a abertura da Boutique, às 9h00, até às 11h00. 

O café é on the go, o conceito da loja renovada.


segunda-feira, 19 de fevereiro de 2018

O vegetariano mais antigo de Lisboa

Já foi há alguns dias que estivemos no aniversário d'Os Tibetanos mas uma segunda-feira parece o dia perfeito para este post! Os Tibetanos abriram em 1978, o primeiro restaurante vegetariano em Lisboa, e assinalaram os 40 anos com um novo menu, que continua a ser inspirado na cozinha não só do Tibete mas também da Índia, Japão, Brasil e África em geral. Nunca tínhamos estado no restaurante, pensando - depois da experiência do Templo Hindu - que a comida fosse demasiado picante para o que podemos tolerar. Não é o caso, pelo menos na degustação que foi apresentada. Aliás, o agridoce dos crepes de vegetais e o seitan com manga estavam mesmo perfeitos, mas especialmente os pastéis com lentilhas, mais spicy mas no ponto. Nos doces, a tarte com papaia é excelente. Hoje em dia há muito mais oferta de restaurantes vegetarianos ou de opções vegetarianas em restaurantes comuns, especialmente se falarmos da capital e das grandes cidades. Para nós, que não somos vegetarianos, estes restaurantes sempre nos atraíram por darem outros sabores aos vegetais, por se poder alternar e variar da alimentação do dia-a-dia e porque servem bem para reduzir o consumo de carne - com as famosas 'meatless mondays'! Além disso, dão sempre algumas ideias para tentarmos reproduzir em casa e tirarmos mais partido dos vegetais. 



Rua do Salitre, 117, Lisboa
O restaurante está no Zomato Gold

terça-feira, 13 de fevereiro de 2018

"Jantar para ex-namorados, desemparelhados"

Com tantas coisas formatadas para o Dia dos Namorados, este programa parece o ideal! "Jantar para ex-namorados, desemparelhados, desiludidos, desesperados, desalentados, desgostados, despeitados, desapontados e encalhados em geral." Mas acrescentam: "E já agora, casais". Este 14 de Fevereiro na Cozinha Popular da Mouraria, numa "viagem a Bollywood". Mais informações do evento aqui e do restaurante aqui.



Marmita Lisboeta no Zomato

segunda-feira, 12 de fevereiro de 2018

[Dica] EDP

A subscrição da Zomato Gold pode ajudar a pagar a conta de electricidade - e aí qualquer ajuda é boa! Sobretudo para quem vive nas zonas de Lisboa e Porto, onde o Zomato Gold permite aceder a uma rede de cerca de 700 restaurantes onde se pode comer dois pratos a preço de um. 

Link Comunidade EDP

sábado, 10 de fevereiro de 2018

[Sair] O Chana do Bernardino

Foi uma sugestão de um amigo de amigo, conhecido por apreciar o que de bom há na vida! Numas mini-férias no Alentejo, fizemo-nos ao caminho para perto do Redondo, só depois de confirmar por telefone e reservar mesa, depois de na véspera termos ficado sem mesa num outro restaurante conhecido da zona... No Alentejo come-se bem mas também se apanha muito barrete, às vezes a pagar bem, é bom ter referências. Íamos em grupo e chegamos cedo, ainda estava vazio o restaurante mas com uma mesa enorme reservada para um grupo. Mesmo quando o grupo chegou, o serviço não foi menos cuidado nem houve muito barulho, mas soube muito bem aquele bocadinho em que estávamos sozinhos e sermos tão bem recebidos pelo dono do restaurante, que o apresenta aos novatos. Nunca tínhamos tido apresentação igual! Contou-nos a história do restaurante, que começou como tasca do sogro (O Chana) e mudou com o genro para melhores instalações (o Bernardino), mas continua familiar. Escolhemos umas entradas, todas muito boas (pezinho de coentrada, fígado), e nos pratos dividimo-nos entre carne (bochechas de porco, migas) e peixe (açorda de bacalhau), e tudo estava maravilhoso. Quanto às sobremesas, só podemos dizer que foi a melhor sericaia que já provámos! O preço andou à volta dos €20 com tudo. Valeu muito a pena a viagem, um restaurante encantador.






O Chana do Bernardino
Aldeia da Serra d'Ossa - 7170-120 Redondo
Tlf: 266 909 414

GuardarGuardar

quinta-feira, 18 de janeiro de 2018

[Wishlist] Máquina de embalar a vácuo

Poderia ser uma 'dica' porque o preço não é muito alto, mas é verdade que não é um essencial de cozinha. Ou então... se valorizarmos a conservação dos alimentos em segurança...

Máquina de embalar a vácuo SilverCrest - no Lidl a partir de 25/1 - €17,99 (inclui 10 sacos reutilizáveis)

GuardarGuardarGuardarGuardar
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...